perdão você

Tava refletindo sobre graça, depois de ler tanta coisa na blogosfera sobre isso. Li no blog do Thiago Mendanha sobre vingança e fiquei lembrando de algumas coisas que eu vi, vivi e ouvi nesses meus poucos anos de vida.

Lembrei de uma pessoa que eu feri muito uma vez, que com minhas ações egoístas, imaturas e adâmicas eu machuquei, com o agravante que ela (a pessoa) confiava muito em mim. Lembro de que após algum tempo do acontecido eu tentei me reaproximar, com uma esperança de que as coisas poderiam voltar ao que eram antes. Eu estava consciente do meu erro, e resolvi me humilhar e pedir perdão. Fiz isso uma vez… fiz duas vezes… e na terceira meu coração sentiu paz quando ouvi Deus me dizer que eu já tinha feito a minha parte, que Ele já havia me perdoado e que não devia me humilhar para sempre repetindo seguidos pedidos de perdão. Hoje não sinto peso algum de culpa, mas fiquei me perguntando se a ferida tinha sido tão profunda ao ponto de que as insistentes tentativas de reconciliação não surtiam efeito algum na outra pessoa.

E eu fiquei pensando que na verdade o que queremos, quando somos feridos e magoados, é vingança. Não a vingança de “vou te fazer a mesma coisa que você fez comigo”, mas vingança no sentido de senso de justiça própria. É amarrar o outro numa culpa sem perdão, na ilusão de que assim estamos dando ao outro o que ele merece, quando na verdade somos nós que sofremos. “Ele não merece o meu perdão!”, “Ela não merece que eu esqueça o que me fez!”. Um senso de justiça que não imita aquele que nos perdoa todo dia, toda hora, a cada arrependimento, sem limite, sem restrições, graça pura, graça incompreensivel.

Falo minhas as palavras do Ricardo no fotolog dele: “com certeza Ele fecha os olhos pra quem eu fui e pra o que resta disso ainda hoje em mim. Ele olha somente para o que eu sou nEle e para o que ainda posso ser. Por isso ele é bom comigo: por causa dele mesmo.”

Ainda bem que Ele me ama além de mim mesmo, e me perdoa embora eu não mereça.

Anúncios

lá vou eu!

eted

Chegou hoje! Nesse instante, no meu e-mail. Alguem ainda tinha dúvidas? ETED Comunicadores 2008 lá vou eu!

Almirante Tamandaré – Grande Curitiba-PR | Novembro de 2007

Prezado(a) Elianderson Nicácio

É com grande satisfação que, por meio desta carta, informamos a você que o seu formulário de aplicação para a ETED Comunicadores 2008 foi avaliado e aceito em todos os critérios necessários.

Estamos ansiosos para poder ser parte daquilo que Deus tem para a sua vida durante esse tempo. Nós cremos que você é uma resposta de oração e que sua presença aqui será de grande riqueza para as nossas vidas.

Nós cremos que essa escola busca discernir os planos de Deus para levar cada um à capacidade de servir no Seu Reino, produzindo frutos segundo suas espécies.

Então, seja bem vindo à ETED Comunicadores!

——-

Envolva-se em missões! Saiba como aqui!

eu morro, em pernambuco

Cheguei ontem ao meio dia a essa cidade tão… tão… tão agitada, louca e quente, mas que tem um povo apaixonante. Conhecendo pessoas que a muito desajava ver, revendo outras que eu estava com saudade e, acima, trabalhando, porque foi para isso que eu vim. Foi? Será?
Depois de ontem a noite eu tenho minhas dúvidas quanto a real intensão dessa viagem, não falo da minha intenção, mas do propósito de Deus em me trazer aqui. Ontem foi a noite mais fera dos últimos dois ou três meses, o dia em que fui mais ministrado por gente louca, mas que ama a Deus acima de tudo. O papo com Miriam e Vanessa foi ótimo, show de bola, mas conversar com Daniel logo mais, até altas horas da madrugada, foi forte demais pra mim. Conversamos sobre como, muitas vezes, seguir a Deus e fazer a sua vontade era confrontador e quanta morte essa decisão exigia.
“Quer ser igual aos outros? Quer ir junto com a turma? Pode ir, mas você sabe que não vai ser saciado, logo vai voltar vazio, sem mim e pra mim!”, Deus uma vez disse a Daniel. E eu quieto na cama, ouvindo tudo e sentindo o meu estomado todo remexido. Não seria possível! Mas eu achava que eu era o único confrontado na escolha entre ser igual ou simplesmente aceitar que os chamados são diferentes, pensam diferente, sonham diferente. Não são aceitos, não são compreendidos, não recebem apoio das pessoas que ele ama, são solitários, entram em crise por não entender, simplesmente, porque ele não é feliz sendo igual a todo mundo. E isso é morte, morte pra minha própria vontade.

Eu morro mais um pouquinho aqui, morri um pouquinho mais ontem e vou morrer mais nesses próximos dias. Porque sem Ele eu morro, com Ele eu morro também. Entre morrer com ou sem Ele, eu prefiro morrer com Ele. E eu fico aqui, morrendo em Pernambuco.

visão de reino

post

Comecei o DSM (antes tarde do que nunca). Eu sei que estou bem atrasado, mas eu realmente não pude fazer isso antes. DSM é o processo de levantamente de sustento ou Desenvolvimento de Sócios Ministeriais. Tudo isso para que se torne possível a realização de um sonho que nasceu em meu coração a mais de seis anos atrás: a ETED (Escola de Treinamento e Discipulado). E nesse tempo de DSM eu fico me perguntando o que as pessoas pensam quando as abordo com o desafio de se envolver em missões investido nesse projeto, e penso que alguém pode chegar e simplesmente falar: “Me dê uma boa razão para que eu banque o seu sonho mensalmente! Você deixou trabalho, faculdade, casa, para viver com o dinheiro dos outros?”. E eu penso que se alguém me falar isso ela não está de toda errada. Mas também saberei de cara que ela é alguém que entende a sua missão, mas que não tem visão. Alguém que investe no treinamento de outro que está disposto a doar seu tempo e sua vida para o resgate de vidas, deve entender que não se trata do investimento em uma pessoa, mas é um investimento no reino de Deus. Gosto muito da definição do C. S. Lewis no livro “Cristianismo Puro e Simples”:

“Um território ocupado pelo inimigo — assim é este mundo. O cristianismo é a história de como o Rei por direito desembarcou disfarçado em sua terra e nos chama a tomar parte numa grande campanha de sabotagem.”

Investir no meu sonho não é investir em mim, como pessoa, mas investir no reino de Deus. É equipar aguem que se dispôs a partir desse grande campanha de sabotagem com seus dons e talentos.

Se informe! Divulgue esse projeto pra outros! Participe!  Você também é convidado! Eu te desafio a se envolver em missões!

te desafio a se envolver!

Quando ainda era bebê, mesmo antes de ter nascido, minha mãe entregou a minha vida para Deus. Para ela não havia outra razão para minha vida senão amar a Deus e servi-lo. Com o passar do tempo muita coisa mudou. Eu cresci, vivi momentos de alegria, de crise, de confusão, aprendi com meus erros e vibrei com meus acertos, e amadureci. Mas uma coisa sempre esteve firme em meu coração: Deus era o motivo central da minha existencia. Era como algo latente, que corria entre minhas veias, pulsando com o sangue que vai ao coração. Hoje muita coisa faz sentido, mas não foi sempre assim. Minha única certeza em todo o meu tempo de vida, até aqui, sempre foi que eu não saberia viver e não seria feliz se não fosse para agradar àquele que me deu a vida, servindo a Ele com os dons e talentos que Ele me deu.

Em Janeiro eu estou embarcando na viagem mais louca da minha vida. É também o maior sonho que eu já tenha concretizado. Fazem anos que eu tenho desejado isso. Em janeiro estou indo para Curitiba, mais precisamente para a base da Jocum em Almirante Tamandaré. Agora em Dezembro estou deixando o meu trabalho e trancando a faculdade. Ficarei seis meses fora na ETED – Escola de Treinamento e Discipulado, sendo que essa escola é especial porque é uma escola para comunicadores (designers, publicitários, jornalistas…), onde aprenderemos a aplicar os nossos dons e talentos de forma eficaz e com a motivação correta no reino de Deus. Estou preparando um material que explicar melhor do que se trata a escola e como você pode contribuir com esse sonho (logo mais eu posto aqui). Sim, você pode envolver-se em missões investindo financeiramente ou orando por esse projeto . Se quiser saber como, deixe um recado a baixo, que eu lhe enviarei mais informações.

Eu sei, é loucura! Mas a decisão já foi tomada! Deus conta comigo. Eu conto com você! Te desafio a se envolver!

“Mais cedo ou mais tarde você irá perceber, assim como eu percebi, que há uma diferença entre conhecer o caminho e andar por ele.” Morpheus (Matrix)

Calendário

novembro 2007
D S T Q Q S S
« out   dez »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930